É essencial prestar atenção em certos itens do veículo para não ter surpresas durante uma viagem. Pensando nisso, a Zapay separou cinco dicas importantes para colocar na lista de manutenção preventiva do carro antes de colocar o pé, ou melhor o pneu, na estrada. Confira!

Quer saber tudo sobre Universo Sugar? Clique aqui e compre o e-book O Guia dos Sugar Daddy & Sugar Babies por apenas R$ 10



1. Óleo de motor e filtros

É importante checar periodicamente o nível de óleo lubrificante do motor, especialmente antes de pegar a estrada. O óleo garante que o veículo funcione de forma correta, mantendo todas as partes móveis do motor lubrificadas. Ainda auxilia no controle de temperatura junto ao sistema de arrefecimento. O prazo de substituição do óleo deve ser seguido à risca, de acordo com o manual do fabricante. Na manutenção preventiva do carro, verifique o nível de óleo e faça a troca completa – e não se esqueça de substituir também o filtro a cada troca de lubrificante.

2. Pneus

A calibragem, como é conhecida a verificação do nível de pressão do pneu, deve ser realizada a cada 15 dias, e também antes de viajar. Geralmente, há uma etiqueta na parte interna da porta do motorista ou na portinhola do bocal de abastecimento do tanque de combustível, que indica a pressão de enchimento. Lembre-se sempre de aferir enquanto os pneus estiverem frios, e não se esqueça de calibrar o estepe.

Antes de viajar, veja também o nível de desgaste dos pneus e avalie se chegou a hora de substituí-los. Para isso, verifique a marca conhecida como TWI, que fica nos sulcos dos pneus. Caso a altura da banda fique igualada a esta marca, é necessário realizar a troca. Procure ainda por possíveis bolhas ou trincas nas laterais dos pneus, que podem provocar estouro repentino e perda de controle do veículo. Andar com os pneus carecas, além de inseguro, configura infração grave.


3. Sistema elétrico

Outro item importante da manutenção preventiva do carro, é a verificação dos sistemas de iluminação. Certifique-se de que os faróis e as lanternas estejam com todas as lâmpadas funcionando corretamente, incluindo os fachos alto e baixo, luz de posição, luzes indicadoras de direção, luzes de ré e de neblina. Lembre que circular com lâmpadas queimadas é considerado uma infração média. A checagem do estado da bateria do veículo também se faz necessária. Ela tem vida útil média entre 3 e 4 anos, e deve ser substituída de acordo com a recomendação de amperagem prevista no manual do veículo.

4. Freios

Um dos principais sistemas de segurança dos veículos, os freios devem receber a máxima atenção na hora da manutenção preventiva. A checagem do nível de desgaste das pastilhas, o estado dos discos e tambores de freio e a integridade do fluido de freio tem a indicação de troca prevista no manual do fabricante por intervalo de tempo ou quilometragem. Caso a luz indicativa de falha no sistema ABS permaneça acesa no painel, é essencial procurar um mecânico para a realização do diagnóstico antes de pegar estrada.

5. Documentação

Além da manutenção preventiva do carro, é essencial incluir a checagem das documentações do veículo e do motorista. Lembre-se de que os prazos de validade da CNH foram alterados durante a pandemia. É importante também conferir se há débitos veiculares e realizar o pagamento antes de viajar.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.